THE HAUNTED

TheHaunted_ExitWoundsTHE HAUNTED
«Exit Wounds»
Century Media
8/10
Muitas bandas reclamam um “regresso às raízes” em álbuns recentes, mas poucas conseguem fazê-lo com classe e relevância. Para os suecos The Haunted a tarefa parecia ainda mais complicada depois de terem visto sair três elementos fulcrais da sua formação como o vocalista Peter Dolving, o guitarrista Anders Björler e o baterista Per Jensen. O problema foi resolvido com os regressos de Marco Aro (cantor nos discos de «Made Me Do It» e «One Kill Wonder», de 2000 e 2003 respectivamente) e do baterista Adrian Erlandsson (At The Gates, Paradise Lost), que havia estado na formação entre 1996 e 1999 e com o recrutamento do ex-guitarrista dos Six Feet Under, Ola Englund. E basta uma audição para perceber que «Exit Wounds» é o regresso à melhor sonoridade dos The Haunted, feita com poder, garra e com som moderno. Obviamente, a produção de Tue Madsen tem alguma coisa a ver com este push sonoro quase irresistível, mas a basculação feita entre thrash, death metal melódico e groove metal dos The Haunted é algo muitas vezes imitado, mas poucas vezes verdadeiramente alcançado. Até pelos próprios, sobretudo quando pensamos nos últimos discos de originais, mais rockeiros e qualitativos, mas de alguma forma afastados desta mistura de «Made Me Do It» e «Revolver», que os fãs venerarão e os haters não serão capazes de destruir.

FOZZY_dywsaw_E_468x60

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s