ORDEN OGAN

OrdenOgan_RavenheadORDEN OGAN
«Ravenhead»
AFM Records
9/10
Começam a faltar adjectivos superlativos para descrever os Orden Ogan, numa altura em que vão apenas no seu quinto álbum de originais. Já é mais ou menos consensual que o quarteto é o legítimo herdeiro do espírito do power metal alemão imortalizado primeiro pelos Running Wild e depois pelos Blind Guardian, mas não deixa de ser impressionante como a banda se mantém focada, inspirada e motivada a cada novo lançamento que faz. «Ravenhead» tem o condão de refinar a receita musical dos Orden Ogan e isto não é dizer pouco quando o último «To The End» já era, há três anos, uma proposta impecável de power metal massivo, de produção sem mácula, refrões épicos e ambiente melancólico. O novo disco consegue melhorar a receita, é certo, mas não baixa no nível de qualidade das melodias e nem na intensidade dos riffs e ritmos, mantendo como imagem de marca um tipo de arranjos muito próprios, algo reminiscentes dos Blind Guardian mas com uma influência folk muito ligeira (as raízes do grupo estão no folk metal) que chega para os tornar únicos e imediatamente reconhecíveis, coisa de que 95% das bandas não se podem gabar actualmente. Por isso, quando lerem os Orden Ogan dizerem nas entrevistas que «Ravenhead» é o seu melhor álbum de sempre, acreditem neles. E se ouvirem alguém dizer que é o melhor conjunto de temas de power metal à homem que a Alemanha exportou na última década, podem acreditar também.

Sylosis_728x90_EU_UK

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s