ANCIENT RITES

AncientRites_LaguzANCIENT RITES
«Laguz»
Massacre Records
8/10
Quem está dentro da indústria musical sabe que há um momento decisivo na vida das bandas, seja quando o timing se perde, quando a motivação é substituída por um sentimento de rotina ou quando os seus elementos chegam à meia idade e precisam de priorizar empregos e famílias. Mais de 50 por cento das bandas não sobrevivem a esse momento e, das que acabam e regressam à actividade anos mais tarde, poucas são as que recuperam a relevância que em tempos tiveram. Os belgas Ancient Rites, no entanto, não encaixam neste perfil. Se já eram, no final dos anos 90, um dos projectos que mais batalhou a pulso para subir uma cena black metal sobrepovoada e selvagem, a queda de popularidade do estilo na década seguinte apenas lhes deu combustível para apurarem ainda mais a sua estirpe de black metal sinfónico e histórico e trabalhos francamente inspirados como «Dim Carcosa» ou «Rubicon». Foi, no entanto, aí que tudo cedeu. A saúde do vocalista e fundador Gunther Theys deteriorou-se consideravelmente, viram-se sem contrato, com uma formação cheia de elementos a braços com empregos exigentes e os anos foram passando. Mas, mais uma vez, os Ancient Rites não estavam preparados para ceder ao destino. Nove anos após o último disco, a banda tem um regresso glorioso com «Laguz», um conjunto de músicas tão épico e grandioso como se «Rubicon» tivesse sido editado o ano passado e os Ancient Rites fossem um conjunto de miúdos motivados para fazer apenas a música que amam. É por isso que, ao longo de 46 minutos, são os Ancient Rites de antigamente, de black metal fácil, inspirado no heavy metal clássico e no speed metal, mergulhados no ambiente de banda-sonora que a evolução musical e artística lhes permite apresentar tão bem em arranjos orquestrais coesos, sumptuosos e envolventes. Mais importante que tudo, é uma banda com alma musical própria que usa a singularidade como arma artística e veículo de expressão para aquilo que lhes vai, verdadeiramente na alma. Por isso, recostem-se, peguem no folheto do CD e preparem-se para uma viagem musical ao nível das que os Septicflesh ou os Rotting Christ costumam proporcionar. Os Ancient Rites estão de volta. Verdadeiramente de volta.

BlindGuardian-Beyond_728x90_EU_UK

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s