Arquivo da categoria: Notícias

ANALEPSY EM DIGRESSÃO EUROPEIA NO VERÃO

Analepsy tourOs lisboetas Analepsy vão passar boa parte do Verão numa digressão pela Europa. A The Curse Of Earth Tour juntará a banda de death metal brutal nacional aos norte-amerianos AngelMaker, aos espanhóis Cannibal Granpa e aos ingleses Osiah e terá duas dezenas de datas, com a banda portuguesa a participar entre 5 e 25 de Agosto. Nenhum dos concertos é, no entanto, em Portugal. O périplo visitará países como a Inglaterra, Alemanha, Itália, Suíça, Bélgica, Eslováquia e Áustria.

Os Analepsy foram formados em 2014 por elementos e ex-elementos de outras bandas nacionais como Brutal Brain Damage, Festering e Formaldehyde. Lançaram, até ao momento, um álbum de originais («Atrocities From Beyond», de 2017), um EP («Dehumanization By Supremacy», de 2015) e um split com os noruegueses Kraanium.

CRYSTAL VIPER: DIGRESSÃO IBÉRICA EM DEZEMBRO

Crystal Viper_tour ibéricaOs Crystal Viper cumprem uma digressão ibérica em meados de Dezembro e há duas partes desta notícia que interessam aos fãs portugueses da banda polaca: os lusos Toxikull foram o grupo escolhido para acompanhar o périplo e a data nacional desta tour será no Stairway Club, em Cascais, no dia 13.

O quarteto de heavy metal clássico liderado pela vocalista Marta Gabriel estreia-se assim, desta forma, no nosso país ao vivo, depois de em 2014 chegarem a estar anunciados no festival Pax Julia Metal Fest, mas serem obrigados a cancelar a sua presença devido a um problema de saúde da cantora. Mas desta vez promete ser a valer: a digressão ibérica contará com quatro datas entre 13 e 16 de Dezembro, sendo a primeira em Cascais.

Os Crystal Viper estrearam-se em disco há 11 anos com «The Curse Of Crystal Viper» e chamaram logo a atenção com um heavy metal que reparte tradição com garra e que se destaca pelas letras de fantasia e horror. Desde aí, o colectivo oriundo de Katowice já editou mais cinco álbuns, sendo o mais recente «Queen Of The Witches», disponibilizado o ano passado.

MORREU VINNIE PAUL

Vinnie Paul Abott, baterista dos Hellyeah e co-fundador dos Pantera, faleceu ontem, dia 22 de Junho, aos 54 anos. A notícia foi avançada pelo site oficial dos Pantera, que não adiantou mais detalhes sobre a morte do músico e pediu privacidade para a família enlutada.

Vinnie Paul foi, em 1981, um dos fundadores dos influentes Pantera, juntamente com o seu irmão Dimebag Darrell, que viria a morrer tragicamente em palco em 2003, assassinado por um fã quando tocava com a sua banda paralela Damageplan. Esse desparecimento foi o fim oficial dos Pantera e, desde aí, Vinnie Paul dedicou-se aos Hellyeah, com os quais editou cinco álbuns, o último dos quais «Unden1able» em 2016.

Vinnie faleceu sem nunca fazer as pazes com Phil Anselmo, vocalista dos Pantera, que indirectamente acusou de ser responsável pela morte do seu irmão, através de declarações nada abonatórias sobre o guitarrista feitas apenas algumas semanas antes do assassinato do mesmo. Os dois não se falavam desde essa altura.

PORTUGUESES MACHINERGY “COBREM” RAMONES

Machinergy 2014Os portugueses Machinergy disponibilizaram online uma versão do tema «I Don’t Care», dos Ramones. A faixa, que é a primeira versão de outra banda gravada pelo colectivo thrash oriundo da Arruda dos Vinhos, pode ser ouvida no clip em baixo. Rui Vieira, vocalista e guitarrista dos Machinergy explica a escolha: “Esta ligação com os Ramones vem desde o tempo em que começámos os três a tocar no nosso primeiro projecto chamado Mortalha. Por essa altura – por volta de 1990 ou 1991 – o pai do meu tio arranjou-me o «It’s Alive», comprado na Feira da Ladra, em Lisboa. Julgo que esse disco funcionou para todos nós como a verdadeira definição do que é o rock’n’roll. De todas as músicas desse duplo vinil em gatefold, «I Don’t Care» foi o tema que se destacou e daí até começarmos a tocá-la foi um passo. No fundo, a «I Don’t Care» foi a primeira música completa que ensaiámos. Isto após ter entrado na nossa vida o… power chord”.

Veiria elabora ainda sobre a seminal banda punk. “Ramones não é tão básico como possa parecer. Aquela palhetada para baixo – downstroke picking – e o prato-choque sempre a “tilintar” durante uma hora e tal não era para qualquer um. É uma influência seminal, quanto mais não seja pela energia e forma directa como encaravam a música. Gostava de saber como deve ter sido ouvir aquela descarga naquela altura, como se sentiram as pessoas, o que pensaram”.

Os Machinergy editaram o seu segundo álbum de originais, «Sounds Evolution», no ano passado. O sucessor de «Rhythmotion» há cerca de um ano, numa primeira fase em regime de auto-edição e depois foi relançado pela editoras Metal Soldier Records e Secret Port Records.

Helloween_728x90_EU_UK

VOCALISTA DOS TOOL COLOCA PRÓTESE NA ANCA

Tool_Maynard_PostSurgery_2015Maynard James Keenan, vocalista dos Tool e dos Puscifer, submeteu-se recentemente a uma intervenção cirúrgica para colocar uma prótese na anca. O cantor colocou na sua página do Facebook uma foto no pós-operatório com a seguinte mensagem “Não queria assustar ninguém. Queria esperar até estar fora de perigo. Anos a bater o pé deixaram-me sem qualquer tipo de cartilagem na minha anca direita. Substituí-a totalmente ontem. Voltei a andar hoje”. Keenan, que ganhou recentemente o cinturão roxo de jiu jitsu, acrescentou ainda: “Mais doze semanas e estarei de volta ao tapete para trabalhar no cinturão castanho”.

Maynard disse também recentemente à Punchdrink.com que os Puscifer estão prestes a finalizar um novo disco, que deverá ser lançado no Outono. Quanto aos Tool, foi noticiado em Março que a banda terá resolvido uma série de assuntos legais que se arrastaram por oito anos e que estaria de volta às digressões e composição. O sucessor de «10,000 Days», editado em 2006, é assim esperado para breve.

Helloween_728x90_EU_UK

ANNIHILATOR: VOCALISTA SAI, DISCO EM SETEMBRO

annihilatorsuicidesocietycdroughOs canadianos Annihilator regressam aos álbuns de originais no dia 18 de Setembro, data em que editam o seu décimo quinto disco, intitulado «Suicide Society», pela UDR Music. O trabalho marca o regresso do líder, fundador e guitarrista do projecto, Jeff Waters, à posição de vocalista, uma vez que o cantor Dave Padden terá anunciado a sua decisão de sair do projecto em Dezembro do ano passado, justificando a decisão com o tempo que as constantes digressões lhe “roubavam” para outros compromissos e o obrigavam a estar fora de casa. Em resultado disso, Jeff Waters regressou à posição de vocalista, que já tinha ocupado em diversos discos nos anos 90, que acumulou no álbum com a gravação das guitarras e do baixo, a composição, a produção, a mistura e a masterização. «Suicide Society» conterá nove faixas, que podem ser parcialmente ouvidas no clip em baixo.

Em termos de formação os Annihilator contam agora também com um novo baixista (o ex-Magnetic Cam Dixon) e com um novo guitarrista (Aaron Hooma, dos Immersed), que se juntam assim a Waters e ao baterista Mike Harshaw (também dos Mastery). Em princípio será esta a formação que actuará em Portugal no dia 9 de Outubro, quando os Annihilator subirem ao palco do Hard Club, no Porto.

Pyrexia_MisantropiaExtrema_468x60

MASTODON PARTICIPARAM NA GUERRA DOS TRONOS

mastodongameofthrones2O episódio da série televisiva Guerra dos Tronos transmitido esta segunda-feira em Portugal (no Domingo dos E.U.A.) contou com três elementos dos Mastodon. Brann Dailor, Bill Kelliher e Brent Hinds foram convidados especiais do episódio chamado “Hardhome”, que passou no canal de cabo FX. O convite partiu do produtor executivo da série da HBO Dan Weiss, bem como de outros produtores executivos que são todos fãs da banda. As cenas foram filmadas em Belfast, na Irlanda do Norte e os Mastodon aproveitaram a ocasião para visitar os cenários nos Titanic Studios.

Os três músicos são mortos no episódio em questão, voltando depois à vida como Caminhantes Brancos. Os Mastodon fazem também parte da mixtape da Guerra dos Tronos «Catch The Throne: The Mixtape Vol. 2», onde participam com um tema precisamente chamado «White Walker».

Pyrexia_MisantropiaExtrema_468x60